terça-feira, 5 de abril de 2016

AC/DC: Segundo Scott Ian banda deveria parar

Um pouco antes de subir ao palco para o show de São Paulo, de abertura da turnê do Iron Maiden, o líder do Anthrax, Scott Ian, falou com o R7 e durante o papo, como fã de AC/DC (ele tem os dois irmãos Young tatuados nos braços) disse que sem Brian Johnson o grupo simplesmente deveria se aposentar. Ou então sugere Angry Anderson, do Rose Tattoo, para o lugar de Brian. O vocalista do AC/DC foi proibido de fazer turnês com a banda após ter risco sério de ficar surdo se continuasse.
Ian falou também sobre os últimos dias de Lemmy, do Motorhead, e disse que era triste vê-lo no palco naquele estado. Scott Ian falou também sobre o disco novo do Anthrax, sua biografia e influências que o levaram a ser um dos ícones do crossover.



Disturbed: David Draiman humilha fã que usava celular durante show

Em um show da banda em Dallas, no Texas, na última semana, o vocalista do Disturbed, David Draiman, chamou atenção de uma fã que estava enviando mensagens de texto em seu celular ao invés de prestar atenção no show.

Imagem

A banda já se preparava para tocar outra música, então Draiman ao perceber a atitude da fã olhou em sua direção e disse: "Oh, você aí em cima, o que será que eu faço com você? Sim, você, a morena. Sim. Oi, como você vai? Então, o que está acontecendo de tão importante no mundo agora que você precise passar a porra desse show inteiro enviando mensagens de texto? O show inteiro! Você está bem na minha frente, eu estou lhe vendo tão clara como o dia. E até agora a sua cara só esteve em cima da merda do seu celular o show inteiro! Por acaso estamos sendo muito chatos com você?"
A fã logo em seguida tentou responder para David Draiman que "seus filhos eram mais importantes", mas ele não conseguia ouvi-la devido a ausência de um microfone. A fã relevou logo após o acontecimento que estava na verdade enviando mensagens de texto para acalmar sua filha de 14 anos, que estava no meio de uma tempestade de granizo no sudeste de Fort Worth, no Texas.
Draiman, sem saber do acontecimento, continuou: "Não me diga para eu ir me foder, você já fez isso olhando para seu celular ao invés de prestar atenção no show."
"Não estou errado, estou? Se fosse você no meu lugar, como você se sentiria? Sério. Isso é desrespeito pra caralho. Literalmente é! Se você não quiser assistir ao show, não assista, mas também não fique na primeira fila, de frente para o palco, onde todos conseguem ver o que você está fazendo. Posso, ao menos, ter a sua atenção no resto que falta pra acabar?"
Draiman, em seguida, dirigiu-se ao resto do público e comentou: "Agora ela está com raiva. Ela acha que eu fiz algo de errado com ela. Eu amo isso. Bem-vindos à era da Internet, senhoras e senhores!"
A fã então se manifestou publicamente alguns dias depois, lamentando a atitude de Draiman, que não sabia do motivo, e revelando que nunca mais irá a um show da banda: "No início, fiquei muito irritada. Só queria ir embora. Disse ao meu marido que foi o momento mais embaraçoso pelo qual já passei. Os Rockstars não estariam onde estão se não fossem pelos fãs que pagam pra vê-los. Eu podia não estar olhando, mas ainda estava lá e ainda os escutava. Ele é um cantor incrível, e eles são uma grande banda, mas devido a essa atitude nunca mais pagarei para vê-los, nem meus amigos."

Veja o acontecimento no vídeo abaixo.


Fonte: whiplash.net/materias